últimas notícias

Movimento portuário — 5.ª feira, 5 de abril

O Santa Maria Manuela permanecerá na Pontinha até às 10h00 de domingo, rumando depois a Porto Santo.
(Foto: APRAM/DR)
O porto do Funchal recebe hoje 5.ª feira, 5 de abril, dois belos veleiros: o Santa Maria Manuela e o Pink Gin.

Por: Paulo Gilberto Camacho

O Santa Maria Manuela amarra ao cais sul da Pontinha pelas 07h00, procedente de Lisboa. Agenciado por Blatas, Lda., aí permanecerá até às 10h00 do próximo domingo, dia 8, para depois rumar a Porto Santo.
O Santa Maria Manuela é um veleiro português de quatro mastros. Originalmente, um navio de pesca da Frota Branca Portuguesa, é agora utilizado como formação marítima e navio de cruzeiro, pertencente ao Grupo Jerónimo Martins. Construído em Lisboa, foi lançado à água em 1937, mede 67m de comprimento por 9,9m de boca (largura). Desloca 607 tons brutas. É o navio irmão do Creoula da Marinha Portuguesa.
O Pink Gin, com bandeira do Reino Unido, ruma a Palma de Maiorca, pelas 17h00 de 6.ª feira.
(Foto: APRAM)
Ao início da noite, pelas 20h15, o iate Pink Gin, agenciado por Funchal Marítima, faz a sua amarração ao cais norte da Pontinha, vindo de Freeport Grand Bahama. Pelas 17h00 do dia seguinte rumará a Palma de Maiorca (Espanha).

Pink Gin, o maior sloop de fibra de carbono do mundo, foi lançado em 2017. O conceito básico por trás do seu design foi evoluir e melhorar o sucesso do Baltic 152 Pink Gin, também construído pela Baltic Yachts.
O Pink Gin não é apenas a maior chalupa de fibra de carbono no mundo, mas também exibe algumas das características mais inovadoras vistas num iate à vela, incluindo duas varandas de abertura nos topsides, o revolucionário Sistema de Direcção de Força da Baltic Yachts e um 18-casco de composto de carbono de tonelada e shell de convés construídos para o mais alto grau de precisão.
O deslocamento de 235 toneladas (embarcações leves) é baixo para um iate deste porte e foi conseguido com o uso de métodos avançados de construção de cascas e convés de sanduíche de carbono e controle de peso monitorado de perto. O plano de vela é generoso, com uma altura de mastro de quase 67 metros acima da linha de água. Será um iate veleiro poderoso e rápido em todos os pontos e permanecerá confortavel em todas as condições. Mede 53,90m de comprimento de fora a fora e 9,95m de boca (largura). Tem um lastro de aproximadamente 79.000kg e navega com bandeira do Reino Unido.



O Maris chega ao Caniçal, pelas 19h00, com carga de Lisboa.
(Foto: APRAM/DR)

Por fim, no porto comercial do Caniçal, o Maris chega pelas 19h00 com carga de Lisboa e amarra ao cais norte. Agenciado por PMAR-Navegação, Lda., regressará ao porto de origem quando terminar a sua operação de carga/descarga.
Construído em 1995, o Maris navega com bandeira de Chipre, desloca 3.999 tons de peso bruto, 5.325 tons de peso morto e mede 101m de comprimento por 18m de boca (largura) e 5,2m de calado.

Sem comentários