√ļltimas not√≠cias

Cota 500 ganha novo f√īlego

A Cota 500 parou em 2011 e volta a ganhar vida
ūüď∑  Governo Regional  ūüď∑
Dentro de um ano estará concluída a circunvalação nas zonas altas da freguesia de Santo António, na cidade do Funchal, através da Cota 500, com ligação da Ribeira Grande à Estrada Comandante Camacho de Freitas, na zona do pavilhão do Marítimo. As máquinas já estão no terreno.

por Paulo Camacho

Durante a visita que fez hoje de manh√£ para se inteirar dos trabalhos que j√° decorrem, o presidente do Governo Regional, Miguel Albuquerque, referiu que a obra “vem permitir que a popula√ß√£o das zonas altas de Santo Ant√≥nio tenha uma acessibilidade importante, que vem permitir a fluidez do tr√Ęnsito, a circula√ß√£o num sentido e noutro, e permitir a garantia de boas infraestruturas e transportes p√ļblicos”. Complementou que aquele eixo vi√°rio ser√° “uma enorme mais-valia para a cidade e para as popula√ß√Ķes que aqui residem”.
O mapa mostra, sensivelmente ao centro, a Cota 500 que rasga aqui de cima para baixo
A obra havia sido suspensa em 2011, j√° depois de ali terem sido injetados quase 42 milh√Ķes de euros. Agora, com mais 9 milh√Ķes para dois viadutos e um t√ļnel, e cerca de 4 milh√Ķes para requalificar a zona da Ribeira Grande, que ir√° decorrer a jusante, tudo ficar√° otimizado.

Sem coment√°rios