últimas notícias

Vendas de vinho Madeira aumentam em quantidade e valor

A comercialização de vinho Madeira de janeiro a setembro do corrente ano registou um aumento na quantidade, em 1,3%,  e no valor, em 4,2%, quando comparados com período homólogo de 2017. Nos primeiros 9 meses do ano foram vendidas 2,2 milhões de litros de vinho generoso Madeira com um valor na ordem dos 13,1 milhões de euros.

por Paulo Camacho

Estes incrementos foram sustentados pelos acréscimos nos mercados extracomunitário (+16,2% nas quantidades e +21,2% em valor) e nacional (+10,9% nas quantidades e +9,6% em valor), que compensaram as reduções no mercado comunitário (-6,1% nas quantidades e -7,4% em valor).
Nos primeiros 9 meses do ano, e por comparação com o mesmo período de 2016, é de realçar o crescimento nas vendas para o mercado continental (+64,5% nas quantidades e +51,1% em valor) e japonês (+31,6% nas quantidades e +15,1% em valor), bem como a redução no mercado britânico (-23,8% em quantidade e -27,8% em valor).

Números do 3.º trimestre

Os dados do Instituto do Vinho, do Bordado e do Artesanato da Madeira evidenciam igualmente que no 3.º trimestre do ano houve um acréscimo na comercialização de Madeira, de 6,4% comparativamente ao período homólogo do ano anterior. Mas, ao invés, na quantidade vendida, verificou-se um decréscimo de 10,7%, comparativamente ao período homólogo do ano anterior.
A comercialização no 3.º trimestre de 2017 rondou os 741 mil litros, o que se traduziu em receitas de primeira venda de 4,6 milhões de euros.

Foram as diminuições verificadas nos mercados comunitário (-17,0%) e extracomunitário (-7,9%) que contribuíram para a quebra das quantidades no 3.º trimestre de 2017. Quanto ao valor de primeira venda, os crescimentos observados nos mercados extracomunitário (+23,6%) e nacional (+9,7%) foram suficientes para fazer face à diminuição registada no mercado comunitário (-3,5%).

Sem comentários