últimas notícias

G20 não podem esquecer o turismo

Geoffrey Lipman quer que o Turismo faça parte da agenda dos G20 nos estímulos à economia
O secretário-geral adjunto da Organização Mundial do Turismo, Geoffrey Lipman defendeu que os líderes da indústria do turismo devem aproveitar a reunião dos G20 em Londres no dia 2 de Abril, para exigir que o turismo faça parte dos planos de estímulos das economias.

“Devemos passar uma mensagem forte aos G20 a dizer ‘Ponham o turismo nos vossos planos de estímulos”, diz o executivo, citado no “Travel Weekly”.
O adjunto do secretário-geral da OMT defende ainda que as empresas de turismo deveriam fazer lobby junto dos ministros quando estes viajam. “Os decisores ficam no vossos hotéis, voam nos vossos aviões. Nós devemos falar com eles” sublinha.
A OMT enviou uma carta aberta a 155 países a sugerir que considerassem a indústria das viagens uma vez que fortalece os fluxos comerciais nos dois sentidos, durante a crise o que irá proporcionar receitas de exportação para os países mais pobres e melhorar os resultados de fornecedores das companhias aéreas que na sua maioria são dos estados pertencentes ao grupo dos G20.
O executivo diz que o turismo e a indústria das viagens cria emprego, infra-estruturas, comércio e desenvolvimento.
“Queremos enviar a mensagem nesta altura e tentar galvanizar o resto do sector do turismo”, afirma Lipman citado no “Travel Weekly”, acrescentando que existe uma oportunidade perdida numa altura em que se pretende estimular a economia, uma vez que “é o sector que cria mais emprego do que qualquer outro”.

Sem comentários