Get Adobe Flash player

Comandante detido terá abandonado o navio ainda com passageiros a bordo

O procurador de Grossetto, Itália, anunciou este sábado a detenção do comandante do navio “Costa Concordia”, Francesco Schettino, na sequência do naufrágio na ilha de Giglio. Também o primeiro oficial de serviço foi detido. Os dois são acusados de homicídio, naufrágio e abandono de navio. De acordo com a agência italiana Ansa, a decisão foi anunciada após várias horas de interrogatório aos dois responsáveis do navio. O comandantedepois do naufrágio, tinha afirmado numa entrevista ao canal de televisão Tgcom24 que a embarcação tinha batido num esporão rochoso que não constava das cartas náuticas.
“Enquanto navegávamos em ritmo de cruzeiro, embatemos num esporão rochoso. Segundo a carta náutica, deveria existir água suficiente por baixo de nós”, justificou-se Francesco Schettino nas declarações à Tgcom24.
De acordo com o procurador de Grossetto, Francesco Verusio, o comandante Francesco Schettino “aproximou-se demasiado da ilha de Giglio, o navio embateu numa rocha que ficou presa do lado esquerdo, fazando inclinar o navio e fazendo entrar água a bordo”.
O procurador salientou ainda o facto do comandante ter deixado o “Costa Concordia” cerca das 23.30 horas de sexta-feira quando, nessa altura, a maioria dos passageiros e a tripulação ainda esperavam ser evacuados.
Entretanto, a caixa negra do navio foi já recolhida e está nas mãos das autoridades. Neste momento, decorre uma investigação levada a cabo pela Procuradoria de Grossetto e pela capitania do porto e também um inquérito ordenado pelo Ministério dos Transportes.
Um dos responsáveis do armador – a Costa Crociere (Costa Cruzeiros) – afirmou, entretanto, que o navio não se desviou da sua trajectória normal. “Não é correcto dizer que o navio estava fora da sua rota habitual”, disse Gianni Onorato, director-geral da Costa Cruzeiros, quando interrogado sobre a alegada excessiva proximidade com a ilha de Giglio.
Para Gianni Onorato, a única certeza é de que “o navio embateu numa rocha” e que a evacuação tornou-se mais difícil pela inclinação acentuada, então a cerca de 20º e agora já a 80º e praticamente deitado sobre o lado.

in Jornal de Notícias

Deixar uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

*

Pode usar estas etiquetas HTML e atributos: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>

Madeira Cultura (novo)

Veja abaixo, na coluna da direita, os episódios da série.

Contacto Madeira Travel News

madeiratravelnews @madeiratravelnews.com

Escreva conosco

navega1

Newsletter

Abril 2012
S T Q Q S S D
« Mar    
  1
2 3 4 5 6 7 8
9 10 11 12 13 14 15
16 17 18 19 20 21 22
23 24 25 26 27 28 29
30  

Partners

navega1

navega1

navega1

Bravacar

Eventos

acontecemadeira

conferencia turismo

direitos dos passageiros

orangeweb

fotografias

funchaldailyphoto

RSS Madeira Photo
  • Ribeira Brava aquaculture 18 de Abril de 2012
      […]
  • view to São Jorge (Boaventura) 17 de Abril de 2012
      […]
  • Cabo Girão viewpoint 16 de Abril de 2012
      […]

RSS Porto Santo

  • the chapell and the palm 19 de Abril de 2012
    […]
  • the best beach 13 de Abril de 2012
    […]
  • collors, in Calheta 12 de Abril de 2012
    […]

RSS Funchal photo

  • Rua do Aljube night view 19 de Abril de 2012
    […]
  • in Funchal city you can see flowers in every place 18 de Abril de 2012
    […]
  • another painting from Max Romer in Madeira Wine company 17 de Abril de 2012
    […]

arquivo (sites pioneiros)

Inmadeiraandworld

Madeiranewsarquivo