728x90_Home_Active Campaign ]]> - - - -

últimas notícias

Movimento portuário — 2.ª feira, 19 de agosto

O Volcán de Timanfaya chega pela manhã de Tenerife para, pouco depois rumar a Portimão.
(Foto: Mafalda Camacho)
Nesta 2.ª feira, 19 de agosto, amarra ao cais sul da Pontinha, pelas 08h15, o Volcán de Timanfaya procedente de Santa Cruz de Tenerife (Canárias).

Por: Paulo Gilberto Camacho

Com agenciamento garantido por PMAR Navegação, Lda., às 10h30 soltará amarras para rumar a Portimão (Algarve).
O Volcán de Timanfaya é um ferry para passageiros e carga da Naviera Armas, com bandeira espanhola e que entrou ao serviço em 2005. Foi construído nos estaleiros espanhóis Hijos de J. Barreras, SA, em Vigo (Galiza, Espanha). Desloca 17.373t brutas, mede 142,45m de comprimento por 24,20m de boca (largura) e 5,60m de calado. Las Palmas de Gran Canaria é o seu porto de registo.
O Monte Brasil chega pela manhã ao Caniçal com carga de Ponta Delgada (Açores).
(Foto: Arquivo APRAM)
Porém, no porto comercial do Caniçal é esperado pelas 07h00, procedente de Ponta Delgada (S. Miguel, Açores), o Monte Brasil que amarra ao cais sul. Agenciado pela Transinsular-Madeira, Lda., o navio soltará amarras por volta das 16h00, rumado depois a Lisboa.
O Monte Brasil é um porta-contentores português da Transinsular construído em 1994 e que navega com bandeira da Madeira. Desloca 7.039t de peso bruto e 8.450t de peso morto. Mede 126m de comprimento por 20m de boca (largura) e o seu calado actual é de 5,7m.
O Funchalense 5 chega de Lisboa ao Caniçal para depois rumara Porto Santo.
(Foto: Arquivo ENM)
Logo a seguir, pelas 07h15, o Funchalense 5 atraca ao cais norte com carga de Lisboa. Com agenciamento da PMAR Navegação, Lda., o navio dará por cumprida a sua tarefa de carga/descarga pelas 16h59 do dia seguinte, seguindo rumo ao Porto Santo.
O Funchalense 5, pertencente à Empresa de Navegação Madeirense, é um navio de carga geral construído em 2009/2010 que navega com bandeira portuguesa. Desloca 7.532t de peso bruto, 8.279t de peso morto e mede 126,78m de comprimento por 20,49m de boca (largura) e o seu rascunho actual é de 7,4m.
Procedente de Leixões, o Monte da Guia amarra ao cais norte do Caniçal.
(Foto: MarineTraffic)
Por fim, cerca das 11h30, também no cais norte, o Monte da Guia faz a sua amarração. Vem de Leixões e tem agenciamento garantido pela Transinsular-Madeira, Lda. Pelas 23h59 de 3.ª feira soltará amarras para rumar a Lisboa.
O Monte da Guia é um porta-contentores português da Transinsular construído em 1995 e que navega com bandeira da Madeira, pois está registado no MAR. Desloca 7.039t de peso bruto, 3.867t de peso líquido e 8.846t de peso morto. Mede 127m de comprimento por 20m de boca (largura) e o seu calado actual é de 7,3m.

Sem comentários