728x90_Home_Active Campaign ]]> - - - -

últimas notícias

Vendas de vinho Madeira aumentam mais de 16%

O valor do vinho Madeira vendido aumento 14,1% no 2.º trimestre
📷  Nuno Fernandes  📷

A comercialização de vinho Madeira rondou os 879 mil litros no 2.º trimestre de 2018, o que se traduziu em receitas de primeira venda de 4,9 milhões de euros, segundo dados do IVBAM. Comparativamente ao período homólogo, registou-se um aumento de 16,2% na quantidade e de 14,1% no valor.

por Nuno Fernandes

As exportações quer para os países da União Europeia (+23,0% em volume e +12,5% em valor) quer para os países terceiros (+18,4% em quantidade e +34,1% em  receitas de primeira venda) cresceram em termos homólogos.
As vendas de  vinho Madeira realizadas  no conjunto do território  nacional recuaram tanto em volume  (-3,3%) como em valor (-6,8%), enquanto as vendas no mercado regional aumentaram 1,8% em volume, mas diminuíram 1,9% em valor.

Analisando a informação do 1.º semestre de 2018, observa-se que tanto a quantidade comercializada como o valor de primeira venda apresentaram variações homólogas positivas de +15,4% e de +10,9% respetivamente. Este aumento nas quantidades foi transversal a todos os mercados: o extracomunitário cresceu 19,5%, o comunitário 18,3% e o nacional 1,7%.

Quanto ao valor de primeira venda, registaram-se igualmente aumentos em todos os mercados: no mercado extracomunitário (+20,4%), no mercado intracomunitário (+9,7%) e no mercado nacional (+0,9%).
Nos primeiros seis meses do ano, e por comparação com o mesmo período de 2017, é de realçar o crescimento nas vendas para a Suécia (+94,9% nas quantidades e +112,7% em valor), Dinamarca (+70,1% nas quantidades e +39,0% em valor) e para o mercado francês (+34,9% nas quantidades e +33,2% em valor), que se mantém como destino principal do vinho “Madeira”.
Em sentido contrário, destaque ainda para as reduções de vendas verificadas quer no mercado holandês (-32,5% em quantidade e -39,1% em valor), quer no britânico (-20,5% nas quantidades e -27,1% em valor).

Sem comentários