728x90_Home_Active Campaign ]]> - - - -

últimas notícias

Metade dos passageiros do Fim-do-ano chegam antes das 18 horas

O AIDApirma será um dos grandes na noite de Fim-do-ano, onde também estará o Lobo Marinho, que aqui vemos
(foto Paulo Camacho)
O porto e a baía do Funchal vão ter na passagem do ano que está à porta 10 navios de cruzeiro. No entanto, até às 18 horas do dia 31 só estarão 6. No que se refere ao número de passageiros desta dezena de paquetes fiz as contas. Há aqui um potencial para um total de 20.600 passageiros e 7.436 tripulantes. Este número de passageiros representa uma entrada direta de 1,4 milhões de euros na economia da Madeira. Montante que não inclui os pagamentos que as companhias fazem nas escalas em taxas e serviços.

por Paulo Camacho

Convém, no entanto, mexer no número global de passageiros que vão estar por cá no âmbito do Fim-do-ano. Em primeiro lugar, no dia 30, com a presença de um navio de cruzeiros, vamos ter uma capacidade para 1.778 passageiros e 471 tripulantes.
No último dia do ano, até às 18 horas, e contando com o Balmoral, que chega na véspera, poderão aportar 10.040 passageiros, o que traduz cerca de metade dos que vão estar neste fim do ano.

Balmoral chega a 30

O 1.º navio a chegar será o Balmoral. É esperado no Funchal pelas 12.30 horas do dia 30, vindo de La Palma, em Canárias. Sai para o largo no dia seguinte, pelas 23.30 horas. Depois do fogo zarpa para Lisboa. O navio tem capacidade para 1.778 passageiros e 471 tripulantes.

5 navios até às 18

O 2.º paquete a aportar vai ser o Mein Schiff 2. Chega bem cedo de Cadiz (Espanha), no dia 31, pelas 6 horas. Sai da Madeira no primeiro dia do ano novo, pelas 14 horas, rumo a Arrecife, na ilha de Lanzarote (Canárias). O navio tem capacidade para 1.886 passageiros e 909 tripulantes.
Depois chegam sensivelmente à mesma hora, 8 da manhã, o Queen Elizabeth, com capacidade para 2.092 passageiros e 996 tripulantes, (sai no dia 1 à 1 da manhã), o AIDAvita, com capacidade para 1.266 passageiros e 426 tripulantes, (sai para o largo às 20 horas) e o Ventura, com capacidade para 3.192 passageiros e 1.205 tripulantes, (deixa a Madeira pelas 2 da manhã do primeiro dia do ano).
Pelas 9.30 horas é esperado o Columbus. Sai da ilha pelas 0.30 horas. O navio tem capacidade para 1.578 passageiros e 700 tripulantes.

Os navios da tarde e noite

À tarde, o primeiro agendado para aportar é o Marella Dream, pelas 18 horas. Deixa a Madeira no primeiro dia do ano pelas 20 horas. O navio tem capacidade para 1.506 passageiros e 600 tripulantes.
E, pela mesma hora, às 22, estão programados dois paquetes: o AIDAprima, com capacidade para 3.300 passageiros e 900 tripulantes, (que zarpa no dia 1 pelas 23.58 horas) e o Horizon, com capacidade para 1.578 passageiros e 620 tripulantes, (que parte pelas 19 horas igualmente do dia 1).
Finalmente, embora com hora de chegada para as 4 da manhã do dia 1, o AIDAsol chegará a tempo de proporcionar aos seus passageiros verem a passagem do ano do anfiteatro do Funchal. O navio, com saída prevista para as 18 horas do dia 1, tem capacidade para 2.174 passageiros e 609 tripulantes.

Desta lista notamos uma grande ausência de um navio da MSC Cruises. Aliás, com um cartaz desta natureza, a Madeira deveria ter os principais navios de cruzeiro das frotas que normalmente escalam o Porto do Funchal.
No plano inverso à ausência da companhia italiana, temos a Aida Cruises com três navios de cruzeiro.

Sem comentários