últimas notícias

"Henriques & Henriques" e Sérgio Marques do Il Gallo d’Oro premiados pela Wine

Sérgio Marquesm, do Il Gallo d'Oro, foi distinguido como Sommelier do Ano pela revista Wine
📷  The Cliff Bay  📷
A revista Wine – Essência do Vinho distinguiu ontem a empresa madeirense “Henriques & Henriques”, na categoria Produtor do Ano, como Produtor de Vinhos Fortificados do Ano.
Na cerimónia que decorreu na Alfândega do Porto, onde deu a conhecer “Os Melhores do Ano 2017”, elegeu também Sérgio Marques, do restautante Il Gallo d’Oro, 2 estrelas Michelin, no Hotel The Cliff Bay, na Madeira, como o Sommelier/Wine Director do Ano.

por Paulo Camacho

O Vinho do Ano 2017 foi o Mouchão Tonel 3-4 2011, do Alentejo; o Produtor do Ano foi a Quinta da Fata, no Dão; o Produtor Revelação do Ano foi a Quinta da Serradinha, em Lisboa; a Empresa do Ano foi a Casa Santos Lima, do Alentejo; a Marca do Ano foi a Mateus Rosé, do Douro; a Loja/Garrafeira do Ano foi a Garrafeira Nacional; o Distribuidor do Ano foi a Portfolio Vinhos; o prémio de Inovação/Investigação do Ano foi atribuído ao Esporão, do Alentejo; o de Enoturismo do Ano foi para o Vila Galé Clube de Campo, também no Alentejo; o Bar do Ano foi o Red Frog, em Lisboa; a Personalidade do Ano no Vinho foi Francisco “Vito” Olazabal, da Quinta do Vale Meão, Douro; o Enólogo Revelação do Ano foi Nuno Gonzalez, da Herdade da Malhadinha Nova, Alentejo; o Personalidade do Ano no Brasil foi para Marcelo Lima, empresário e produtor de vinhos nas regiões do Douro e dos Vinhos Verdes e o prémio Homenagem foi para Fernando Guedes, da Sogrape.

Prémios Gastronomia

Na gastronomia, o prémio Personalidade do Ano foi para Ljubomir Stanisic, o chefe 100 Maneiras, em Lisboa. O Chefe de Cozinha do Ano foi para Ricardo Costa, 2 estrelas Michelin, The Yeatman, em Vila Nova de Gaia; o Chefe Revelação do Ano foi para Vasco Coelho Santos, do Euskalduna, no Porto; o Restaurante Gastronómico do Ano foi para o Feitoria, em Lisboa; o Restaurante Com Melhor Serviço de Vinhos do Ano foi para a Enoteca de Belém, em Lisboa; o de Produtor Artesanal do Ano foi para o produtor de ostras Neptun, do Estuário do Sado; e o galardão de Destino Gastronómico do Ano foi para a cidade de Matosinhos.

Sem comentários