últimas notícias

Quarteirão da Insular nas mãos de Avelino Farinha

O quarteirão da Insular ganhou um novo dono e com isso tenderá a ter outra dinâmica
(foto: Paulo Camacho)
O Grupo AFA comprou os edifícios onde consta o quarteirão da Insular de Moinhos, no Funchal, delimitado pelas Rua Visconde Anadia, Travessa da Malta e Largo do Pelourinho. Ali estavam as antigas instalações de moagem da empresa Insular que hoje se encontra na Zona Industrial do Caniçal, a leste da ilha da Madeira.

O valor da aquisição, segundo o Funchal Notícias, foi de 7,5 milhões de euros. Ainda segundo este media online, o preço de compra acordado “é livre de ónus, ficando por conta do empresário Jorge Sá os demais encargos que eventualmente existam sobre o imóvel, designadamente com a banca”.
Para aquele quarteirão esteve alinhavado, numa dada altura, um projeto para a construção de apartamentos. Na realidade, em 2003 a Câmara Municipal do Funchal já tinha aprovado um projeto que foi executado pelo gabinete do arquiteto Francisco Caires para o edifício da antiga moagem, e que previa a sua reconversão num empreendimento imobiliário com apartamentos de luxo e lofts.
Posteriormente, o anterior proprietário chegou a idealizar uma unidade hoteleira.

Neste momento não se sabe ao certo o que o dono do Grupo Savoy, que está a construir o Savoy Palace, no Funchal, tem previsto para aquele amplo e histórico espaço da cidade. Admite-se que possa criar um novo hotel  Savoy, porventura o Savoy Pelourinho ou Savoy Pillory (designação em inglês de pelourinho), tendo em linha de conta a estratégia seguida com as outras unidades da sua coleção.

Sem comentários