últimas notícias

Governo autoriza concurso público para o ferry


Está dado mais um passo para o regresso da linha ferry entre a Madeira e o Continente
(foto: Paulo Camacho)
O Conselho do Governo Regional da Madeira, reunido hoje em plenário decidiu autorizar a abertura de concurso público internacional para a concessão de serviços de transporte marítimo regular, através de navio ferry (transporte de passageiros e carga rodada), entre a Madeira e o Continente português.
Foi aprovado, para o efeito, o caderno de encargos e respetivo programa do concurso, determinando o encargo orçamental anual máximo de €3.000.000,00 (três milhões de euros), despesa assegurada pelo orçamento da Região Autónoma da Madeira.
A Madeira já usufruiu de uma linha ferry. Tudo começou quando a Naviera Armas estabeleceu em 2 de julho de 2006, a primeira carreira regular de passageiros entre Las Palmas, em Grã Canária (Espanha), e o Funchal, transportando logo nesse ano 4.000 passageiros.
No ano seguinte viria a transportar 10.000 passageiros e 2.000 viaturas.
Em 2008, a companhia que nasceu na ilha de Lanzarote, resolveu estender a carreira até Portimão, no sul de Portugal continental.
Assim entre junho de 2008 e janeiro de 2012, a Naviera Armas fazia uma viagem triangular todas as semanas entre Las Palmas-Funchal-Portimão e vice-versa.

Por razões diversas, com acusações mútuas entre armador e o Governo Regional da Madeira, a operação tão acarinhada pelos madeirense ficou pelo caminho.

Sem comentários