últimas notícias

Extreme Sailing Series começam hoje na baía do Funchal

Ontem foi um dia de treinos na baía, conforme documenta a fotografia
(foto: Paulo Camacho)
Começa hoje no Funchal a 3.ª etapa mundial das Extreme Sailing Series - Madeira Island, que decorrerá na baía até o próximo domingo.As entradas para ver esta prova são livres. Os interessados podem e devem vê-la na Race Village, no Cais 8, situado a sul da Praça do Povo, pois estas competições estão montadas precisamente para serem vistas de terra.

Fundada em 2007, as Extreme Sailing Series são o circuito de vela do Stadium Racing original projetado precisamente para ser visto pelos espetadores, oferecendo ações de alto desempenho perto da costa e colocando quem presencia no coração da luta entre tripulações.
A prova atrai alguns dos melhores marinheiros do mundo, pilotando as catamarãs GC32 com séries de curta duração.
Antes de 2016, as Extreme Sailing Series era realizada com barcos à vela Extreme 40. O ano passado, passa assinalar 10 anos de provas internacionais contínuas, criaram e introduziram os GC32, mais rápidos que os Extreme 40 e consideravelmente mais desafiadores para as equipas.
O circuito global abrange o Oriente Médio, a Ásia, a Europa e as Américas.

7 equipas no Funchal
O logo da Madeira que consta nos cascos dos "F1" dos mares
(foto: Paulo Camacho)

As Extreme Sailing Series também oferece uma experiência VIP única e personalizada, dando aos hóspedes a oportunidade de correr a bordo dos barcos de alta velocidade no local do Guest Sailor.
A principal prova contará com a participação de 7 equipas, entre as quais as seguintes: “Land Rover BAR Academy”, “Alinghi”, “SAP Extreme Sailing Team”, “Oman Air”, “Red Bull Sailing Team” e “NZ Sailing Team”. Trazem a bordo velejadores que já passaram pela America’s Cup ou pelos Jogos Olímpicos. Normalmente são 6 equipas no campeonato, mas houve interesse de uma equipa em vir à Madeira. Será uma equipa mista denominada "Extreme Team". É um wild-card dado a velejadores que querem ganhar experiência no circuito e que estão em pipeline para a edição do próximo ano e outras provas de expressão internacional como a Americas Cup.

Estreias na Madeira

Os Flying Phnatoms, que têm estreia mundial na ilha da Madeira
(foto: Paulo Camacho)
A etapa madeirense das Extreme Sailing Series terá ainda a aliciante estreia planetária dos Flying Phantoms, catamarãs super velozes e leves (pesam apenas 165 kg).
Pelo menos 16 barcos, para dois tripulantes, vão competir na baía do Funchal, incluindo uma equipa portuguesa formada por Hélder Basílio e José Caldeira. A inclusão desta versão de menor escala dos GC32 permite a descoberta de novos talentos e aumenta a oferta aos fãs, imprensa e parceiros.
A Madeira acolhe a terceira etapa das Extreme Sailing Series, depois das passagens por Muscat (Omã) e Qingdao (China).

O circuito segue depois para Hamburgo (Alemanha), Cardiff (País de Gales), San Diego (EUA) e Los Cabos (México).

Sem comentários