últimas notícias

"Vamos florir a Madeira" entre 4 e 21 de maio na Festa da Flor

(foto: Turismo da Madeira)
Aí está mais uma edição da Festa da Flor. Este ano, o temo escolhido é: “Vamos florir a Madeira”. A Festa começa no dia 4 de maio, quinta-feira, e termina no dia 21 seguinte, um domingo.
Na Conferência de Imprensa que decorreu ontem à tarde, o secretário regional da Economia, Turismo e Cultura, revelou a sondagem realizada no dia 18 de abril, a qual aponta uma taxa de ocupação hoteleira no destino durante as três semanas do evento a rondar os 90%.
No primeiro fim de semana a taxa de ocupação estimada a aquela distância aponta para 93%; no segundo, 86% e, para o último fim de semana, a taxa de ocupação prevista é de 91%.
Entre as novidades introduzidas no programa deste ano, Eduardo Jesus apontou o prolongamento no tempo, com festa durante três semanas consecutivas e a construção do Muro da Solidariedade na Praça do Povo. “Tal como acontece, com as crianças, no Muro da Esperança, teremos, a 13 de maio, a construção deste Mural, a cargo de cerca de 100 idosos de várias instituições de solidariedade social”, referiu.
Existem ainda mais duas novidades que são o encerramento da Festa com destaque para a cultura, onde haverá lugar a dois concertos e um recital de Canto Lírico, entre os dias 19 e 21 de maio, a decorrer no Palácio de São Lourenço, na Igreja Inglesa do Funchal e na Fortaleza de São Tiago. E, finalmente, este ano há a contar com a participação do grupo convidado de Free State – África do Sul, no Grande Cortejo Alegórico da Flor.


Madeira Auto Parade


Em relação a outras iniciativas integradas no programa, pelo segundo ano consecutivo, teremos o Pavilhão das Flores, na Praça do Povo, com a realização de workshops, neste espaço, destinados a residentes e visitantes, sobre temáticas variadas – Bordado Madeira, Tapetes de flores, Vimes, Vinho Madeira e Arranjos Florais, entre outras; a Madeira Auto Parade, com carros e motas, reservada para o segundo fim de semana. O desfile será a 14 de maio, pelas 15.30 horas, desde a praça da Autonomia até à Rotunda Harvey Foster, com animação e exposição das viaturas na Av. Francisco Sá Carneiro.
Há ainda lugar para a II Marcha da Inclusão.
Por outro lado, tal como no ano passado, a Festa da Flor terá a decoração, figuração temática e comercialização das flores em todo o passeio central da Avenida Arriaga; as iniciativas da responsabilidade do IVBAM, no Largo da Restauração, nomeadamente a Exposição “Bordado Madeira inspirado nas Flores” e o Festival de Rum; e a Exposição em homenagem à Flor no Espaço Infoart, neste caso da autoria de Margarida Jardim.


Mais de 3.500 pessoas envolvidas


A Festa da Flor 2017 contará com mais de 3.500 pessoas envolvidas, sendo 1.420 pessoas no Cortejo Alegórico, com 10 grupos, 1.250 pessoas no Muro da Esperança e 100 pessoas no Muro da Solidariedade. Haverá lugar ainda a 21 atuações por 17 grupos folclóricos.
O governante sublinhou ainda que a Festa da Flor conseguiu congregar o envolvimento e a integração de todos os concelhos neste programa, cumprindo o objetivo da descentralização que defendemos para os eventos de animação e repetindo aquela que foi, em 2016, a primeira vez em que toda a RAM celebrou esta Festa.


Outra nota de relevo é que se mantêm no programa como pontos fortes os tapetes florais, e a Cerimónia do Muro da Esperança, no dia 6 de maio, com concentração a partir das 9.00 horas, com o mesmo figurino dos anos anteriores.


O Grande Cortejo Alegórico da Flor


O ponto alto será o Grande Cortejo Alegórico da Flor, no dia 7 de maio, pelas 16.00 horas, com o seguinte Itinerário: partida da Praça da Autonomia, Avenida do Mar e das Comunidades Madeirenses (faixa sul) até à Rotunda Francisco Sá Carneiro, Avenida Francisco Sá Carneiro, até à Rotunda Harvey Foster.
A ordem e tema dos 10 grupos é a seguinte:
  1. "Madeira uma flor de flores" – João Egídio Rodrigues
  2. Grupo convidado de Free State – África do Sul
  3. "Encanto das Flores" – Associação de Animação Geringonça
  4. "Madeira ilha das flores" – Turma do Funil
  5. “Jardins, a beleza dos sonhos" – Associação Fura Samba
  6. "Os jardins da Império" – Associação Império da Ilha
  7. "Borboleta de Sonhos" – Sorrisos de Fantasia
  8. "Gloss de Primavera" – Associação ANIMAD
  9. "Madeira florida" – Escola de Samba Caneca Furada
  10. “Dreamland " – Isabel Borges


Os Carros Alegóricos que integram o Cortejo ficarão em exposição, nas imediações da Praça do Mar, até às 18.00 horas do dia seguinte.
Integram ainda este programa, com o apoio do Turismo da Madeira, os seguintes eventos e entidades:
  • As demonstrações de flores e concertos, na Igreja Inglesa do Funcha;
  • O Espetáculo “Dança da Flor”, organizado pela RTP Madeira, com a participação de cinco grupos;
  • O concerto da Festa da Flor, pela Orquestra Clássica da Madeira e Conservatório Escola das Artes da Madeira, no Auditório do Centro de Congressos;
  • O Concerto alusivo às Comemorações da Zona Militar da Madeira, no Palácio de São Lourenço;
  • O Desfile de Tunas Femininas Académicas, na Placa Central da Avenida Arriaga;
  • E o VIII Festival EncanTunas, também no Centro de Congressos;
  • O Concerto pela Orquestra de Sopros da Direção de Serviços de Educação Artística e Multimédia, na baixa do Funchal.

Investimentos

As primeiras estimativas apontam para um investimentos na Festa da Flor 2017 na ordem dos 422 mil euros, que traduz mais cerca de 80 mil euros em relação ao ano passado. Um nota para referir que o evento conta com patrocínios de 10 mil euros nas decorações e tapetes florais, a divulgar oportunamente.

Sem comentários