últimas notícias

Inscrições para o Congresso Nacional da APAVT estão a aumentar

Até o dia seis de abril, em três semanas, o próximo Congresso Nacional da APAVT - Associação Portuguesa das Agências de Viagens e Turismo, teve mais de cem inscrições para o evento que este ano volta a realizar-se em Macau entre os dias 23 a 27 novembro.
As inscrições continuam abertas com o preço de 300 euros por congressista, um valor que inclui o acesso a todo o programa de trabalho e social do congresso, bem como cinco noites em regime de APA numa unidade de 5 estrelas.
A inscrição pode ser feita através do número de telefone 213553010 ou pelo endereço eletrónico: apavt@apavtnet.pt.


Macau fica no sul da China, na parte ocidental do delta do Rio das Pérolas, na ligação entre o interior da China e o Mar do Sul da China, a sul do Trópico de Câncer. Está na área das monções sendo considerado de clima temperado e chuvoso no verão. A época mais agradável do ano é de meados de outubro até dezembro, precisamente na altura em que se realiza o Congresso da APAVT, um regresso à Região Administrativa Especial da República Popular da China, oito anos depois, e que acontecerá pela quinta vez. Na última edição, em 2008, estiveram cerca de 400 congressistas, entre responsáveis por agências de viagens e operadores turísticos portugueses, assim como de outras empresas da indústria do turismo portuguesa, como hotéis, companhias aéreas, rent-a-car e outras

Dois significados

O presidente da APAVT, Pedro Costa Ferreira, considera que a decisão do congresso voltar a Macau tem dois significados fundamentais: “para o outgoing, a certeza de que a atmosfera económica e a dinâmica da procura está agora mais positiva e confiante, permitindo que o congresso volte a atravessar as fronteiras de Portugal; para o incoming, a participação ativa no reforço dos investimentos que privados e tutela estão a realizar no maior mercado emissor mundial”.
Por seu turno, Maria Helena de Senna Fernandes, diretora da Direção dos Serviços de Turismo de Macau, realçou a importância do evento estratégico, ao contribuir simultaneamente para a diversificação da indústria turística de Macau, e para o reforço da estratégia de promoção e de crescimento do número de turistas internacionais.
Daí ter afirmado estar certa que em cooperação com a APAVT “vamos realizar um evento ainda melhor do que os anteriores, numa região que mesmo os que já visitaram dificilmente reconhecerão”.

Apresentação de estudo estratégico

Um dos momentos esperados do 43.º Congresso Nacional da APAVT será a apresentação de um estudo estratégico acerca do setor das agências de viagens. Resulta de um acordo entre a associação e a consultora Augusto Mateus e Associados, assinado este ano durante a Bolsa de Turismo de Lisboa.
Pedro Costa Ferreira quer que o estudo possibilite conhecer melhor o setor no seu detalhe, o que “permitirá alguma mensagem para as associadas relativamente a algum caminho estratégico que devamos seguir”.
O presidente da APAVT considera que o estudo deverá “iluminar um bocadinho do futuro da própria APAVT” e permitir perceber “como é que podemos ajudar os nossos associados e como é que podemos melhor representar o setor”.

Sem comentários