últimas notícias

Loja Madeirense tem montra em todo o mundo

A Loja Madeirense, maior loja online de produtos madeirenses, foi criado no dia 16 de junho de 2015.
O promotor do projeto, José Manuel Sebastião, revela que nestes 18 meses já vendeu em todos os continentes.
Chegou a países como o Japão, a Austrália, os Estados Unidos da América, a Argentina, o Brasil, a África do Sul, o Canadá, e toda a Europa. Tem vendas todos os dias.
Diz, com orgulho, que o portal da Loja Madeirense, já foi visto por mais de dois milhões de pessoas de 148 países, e que, por isso mesmo, deve ser considerada a montra da Madeira no mundo. Refere que Portugal está na frente das vizualizações, seguido da Venezuela, um mercado que diz que vê muito mas que não compra, porque não consegue pelas dificuldades económicas inerentes à crise no país.
Hoje, o portal dispõe de aproximadamente 1.400  produtos à venda e tem cerca de 70 fornecedores da Madeira. Está segmentado por categorias: Flores/Sementes, Vestuário e acessórios, Produtos Alimentares, Decoração, Música, Bordado e Tapeçarias, Bebidas, Papelaria, Doçaria Tradicional, Clubes, Pinturas, Caricaturas, Saúde, Suplementos Alimentares, Infantil, Sazonal e Cartões de Desconto.

Compras em crescimento

O empresário confessa que as compras por parte do mercado continental estão em crescimento. Fora de Portugal, evidencia as compras crescentes que surgem da Alemanha e da França.
No topo das vendas estão as aguardentes. Primeiro a Aguardente 970, da J.Faria & Filhos. Depois a Aguardente branca. Mas também comercializa muitas carapuças, bolos de mel e botas de vilão.
Além dos vários produtos que comercializa de terceiros, começou a vender t-shirts próprias da Loja Madeirense.
Durante cerca de um ano e meio, o empresário referiu que existiu clientes diversificados como os da saudade, que não se intimidam com os preços, mesmo que sejam sobrecarregados com transportes muito mais elevados que os valores dos próprios produtos.
Além disso, há pessoas que utilizam o portal para sugerirem outros produtos que não constam no portfolio nem no mercado, como trajes típicos feitos à medida. José Manuel Sebastião procura sempre satisfazer as solicitações.
O empresário confessa que o projecto deu muita satisfação em conceber, concretizar e ter conseguido chegar aonde já chegou.


Trijato


E neste caminho ainda curto, diz que, após dialogar com muita gente e de ter observado o mercado online, sentiu que fazia falta uma plataforma agregadora relacionada só com o turismo, virada para todos os que nos visitam assim como para os que viajam pelo mundo fora e que podem estar interessados em viajar para a Madeira ou para o Porto Santo.
Daí saiu um segundo projeto da empresa Mundo Exemplar, proprietária da Loja Madeirense. Pensou e criou igualmente no dia 16 de junho, do ano passado, um novo portal agregador para o setor do turismo, restauração e animação turística. Surgiu o portal Trijato que pretende concentrar todas as atividades relacionadas com o turismo como hotéis, alojamento local, restaurantes, tuk-tuk, táxis, bares, discotecas, atividades náuticas e de animação, rent-a-cars, e por aí adiante.

Tudo em um

No fundo, quer ter no portal tudo aquilo que se relacione direta ou indiretamente com o turismo da Região Autónoma da Madeira e que possua uma avaliação contínua e diária por parte de todos os clientes. Além de toda a informação, o cliente pode votar no portal nos diversos itens sugeridos. Por exemplo, um serviço de táxi que esteja no portal. Depois do cliente ter feito o contacto direto, através do número de telefone ou do e-mail do prestador, e de ter usufruído do serviço, é sugerido pelo taxista que o avalie na trijato.com através do smartphone, tablet ou computador do cliente.
José Manuel Sebastião evidencia que esta é uma diferenciação do seu portal em relação a outros como o Tripadvisor, Trivago, Momondo, Booking ou Uber, onde diz que cada um trata só de um setor por si. “A nossa ideia é que todos os setores estejam aqui representados, para que os clientes não andem a saltar de site em site e que assim possam marcar as suas férias sem sair do Trijato, encontrando tudo e fazendo as reservas diretamente”.


Portal SM


E agora surge um terceiro projeto, igualmente da empresa Mundo Exemplar: a SM - Support & Management (suporte e apoio/gestão), para prestar encaminhamento jurídico e operacional sobretudo aos emigrantes madeirenses que regressam à ilha e pretendem investir no arquipélago mas que não sabem como. Pode igualmente prestar apoio na gestão dos imóveis que emigrantes tenham cá e que careçam de dedicação.
Mas também dá apoio a qualquer estrangeiro que pretenda usufruir dos seus serviços, para que não se sinta desprotegido. Por isso, o novo serviço da Loja Madeirense que o empresário lança agora no mercado visa preencher o que considera ser uma lacuna que vislumbrou aquando da realização do primeiro encontro das comunidades. “Na altura, cheguei à conclusão que faltava quem apoiasse os empresários que pretendessem investir na Madeira”, confidenciou. O processo foi ganhando consistência até ser uma realidade. E, neste momento, já tem um casal de emigrantes como cliente, que está a investir no Funchal na área da restauração e que está a contar com o apoio da SM.

Sem comentários