últimas notícias

Porto do Funchal ganha escala mas perde passageiros

Janeiro vai ter 32 navios de cruzeiro no Porto do Funchal, que resulta em mais um do que no primeiro mês do ano anterior. Em termos de passageiros, as 32 passagens de navios de cruzeiro apresentam um potencial global de 55.490 passageiros e de 19.791 tripulantes.

O ano passo, em período homólogo, passaram pela capital madeirense 64.235 passageiros e 24.699 tripulantes.
Onde está a grande perda, com apenas mais uma escala? Reside nos navios de maior porte do ano anterior, como o Mein Schiff 4 e ainda da passagem do Norwegian Egic.
Os passageiros que poderão vir este mês à Madeira num dos vários paquetes apresentam um potencial para a entrada direta na economia da ilha de 3,9 milhões de euros, sem contar com o pagamento de serviços aos portos e aos agentes de navegação.
As primeiras escalas aconteceram no dia dois. Os navios que se encontravam no porto no dia anterior haviam aportado no último dia do ano de 2016, concretamente o AIDAblu, o MSC Magnifica e o Saga Pearl II.
No dia 2 chegaram ao principal porto da Região Autónoma da Madeira 3 navios de cruzeiro: o Mein Schiff 2, que ficou duas noites na Madeira, o Balmoral e o Norwegian Spirit. 
Nos dias seguintes vieram os seguintes navios: dia 4, o Thomson Majesty; dia 6, o Arcadia e o Ventura; dia 7, o Black Watch; dia 9, o Thomson Majesty e o AIDAblu; dia 10, o Marco Polo e o AIDAsol; e dia 11, o Balmoral e o Saga Pearl II.
Para hoje, dia 12, é esperado o Boudicca.

As próximas escalas

Para os próximos dias são esperados os seguintes navios de cruzeiro:
- dia 13, Minerva;
-  dia 14, Queen Mary 2; 
- dia 15, Saga Sapphire; 
- dia 16, Thomson Majesty e AIDAblu; 
- dia 17, Mein Schiff 2 e AIDAsol; 
- dia 23, AIDAblu e Thomson Majesty; 
- dia 24, AIDAsol; 
- dia 25, MS Magnifica; 
- dia 26, AIDAcara e Norwegian Spirit ; 
- dia 30, Thomson Majesty e AIDAblu; 
- e dia 31, Mein Schiff 2 e AIDAsol.

Os campeões das escalas serão os navios AIDAsol e Thomson Majesty, com cinco. 
Seguem-se o AIDAblu, com quatro escalas, o Mein Schiff 2, com três, e os paquetes Balmoral, Norwegian Spirit e Saga Pearl II, com duas escalas cada.

Referência para os navios com maior e menor capacidade de transporte de passageiros, respetivamente o Ventura, com 3.076 passageiros, e o Minerva, com possibilidade de levar 350 cruzeiristas.

Sem comentários