últimas notícias

CEIM passa a Startup Madeira e cresce para consolidar mais ideias

Cerimónia de lançamento da nova marca que sucede ao CEIM
Startup Madeira – More Than Ideas. Este é o novo nome do Centro de Empresas e Inovação da Madeira. Na prática, espelha melhor o papel que tem vindo a prestar no concretizar de ideias. Agora a ideia é crescer ainda mais, sinónimo de apoios crescentes a mais ideias e projetos. Carlos Soares Lopes, Gestor de projetos na Startup Madeira, é homem por detrás da mudança de toda a imagem da Startup Madeira.

Patrícia Dantas de Caires, presidente do Conselho de Gerência da “Startup Madeira”, explicou que a transição para a nova marca permite um alinhamento com a estratégia nacional através da integração na Rede Nacional de Incubadoras e do Programa Startup Portugal, assim como ter uma marca facilmente reconhecida no contexto internacional. Sublinhou que Portugal “está a ganhar cada vez mais terreno nesta área” e que, por isso, “é importante que, aqui na Região, sigamos a mesma tendência e coerência ao nível do branding”.
Neste âmbito, a presidente considerou fundamental que a nova designação seja, por si só, “uma forma de facilitar e encontrar mais trabalho e parcerias ao nível internacional”.










Eduardio Jesus: "A nova marca não implica uma rutura com o passado, mas uma nova etapa"
Eduardo Jesus, secretário regional da Economia, Turismo e Cultura
“Queremos um forte impacto do empreendedorismo”
Na sessão de apresentação da Startup Madeira, Eduardo Jesus, secretário regional da Economia, Turismo e Cultura, disse esta segunda-feira que a nova marca não implica uma rutura com o passado, mas uma nova etapa de uma entidade criada em 1997. Daí ter recordado as pessoas e anteriores responsáveis que estiveram nesse percurso, assim como agradeceu o empenho da equipa atual liderada por Patrícia Dantas de Caires.
Para dar corpo ao novo passo e permitir à sucessora do CEIM dar ainda mais passos as instalações da Startup Madeira vão crescer no próximo ano com o adaptação do edifício do Madeira Tecnopolo, no Funchal.

Patrícia Dantas de Caires, presidente do Conselho de Gerência da Startup Madeira
Empenho em “contribuir para o desenvolvimento regional”
No evento desta segunda-feira, que lançou a nova marca na Sala Ursa Maior do Madeira Tecnopolo, Eduardo Jesus teve oportunidade de sublinhar que “há um novo posicionamento da Madeira no que diz respeito ao estímulo ao empreendedorismo”. Neste desígnio quer mais pessoas envolvidas, mais empresas e mais espaços de incubação. “Queremos um forte impacto do empreendedorismo na nossa economia”, acentuou, referindo existir nesta área uma possibilidade de expansão para outros setores da economia que não aqueles que são os mais preponderantes atualmente: o turismo e o Centro Internacional de Negócios da Madeira.
Patrícia Dantas de Caires evidenciou na mesma cerimónia que continuarão com a mesma energia e propósito de “contribuir para o desenvolvimento regional, através da promoção do empreendedorismo e inovação na Madeira”.

João Vasconcelos, secretário de Estado da Indústria
Startup Madeira “será um projeto essencial”
Por seu turno, João Vasconcelos, secretário de Estado da Indústria, disse que Startup Madeira “será um projeto essencial para reter madeirenses mas também para a atrair jovens de outras regiões do país, bem como já está a ser decisivo para que a perceção do país do que é a inovação na Madeira mude.”
O governante central aproveitou ainda para falar dos objetivos do Programa Startup Portugal e das novas linhas de financiamento e de medidas de investimento que estão disponíveis e, garantiu que os empreendedores da Madeira terão acesso a todas estas medidas já em vigor no país.

O dinâmico Carlos Soares Lopes,
Gestor de projetos na Startup Madeira
Miguel Albuquerque, presidente do Governo Regional
“Temos de diversificar a nossa base económia”
Finalmente, o presidente do Governo Regional, Miguel Albuquerque, recordou que a história de sucesso da Madeira é uma história de viragem para o exterior, exemplificando com o ciclo do açúcar ou o do Vinho Madeira e até à atualidade, a aposta no Turismo. “Uma das formas que temos hoje para esbater a ultraperiferia é a aposta na tecnologia”, disse o chefe do executivo madeirense, recordando que além das condições que hoje são oferecidas ao aparecimento de startups nessa área, temos já outras empresas que já estão a singrar por esse mundo fora. “Temos de diversificar a nossa base económica”, disse ainda, recordando que isso consegue-se com as empresas tecnológicas.
Neste sentido garantiu apoio ao Startup Madeira e reafirmou a aposta no Brava Valley, que o Governo pretende implementar na Ribeira Brava, e disse que serão desenvolvidas várias iniciativas importantes para a afirmação da Região Autónoma da Madeira incluindo o projeto Smart Fossil Free Island que fará do Porto Santo a primeira ilha europeia com pegada ecológica zero.
O presidente do Governo disse que conta com o apoio do e todos para que a Madeira lidere as mudanças que estão a ocorrer atualmente na Economia Global.

A presidente da Startup Madeira (à esquerda) e a equipa da Walkme Mobile Solutions

… and the winner is...

Participaram igualmente na sessão João Borga, diretor da Rede Nacional de Incubadoras, Luís Araújo, presidente do Turismo de Portugal e Pedro Ortigão, administrador da AICEP Portugal Global, além de fundadores de Startups nacionais e de André Leonardo, autor do livro “Faz Acontecer”.
Antes do final do evento, foram anunciados os vencedores da 1.ª edição dos Innovation Awards. Entre os 25 nomeados em 5 categorias, os premiados foram: “Walkme Mobile Solutions” (categoria 'Tech.Web & Mobile'), “Madeira Best” (na categoria ‘Tourism and Nature’), “Confeitaria” (categoria ‘Self Employment Opportunity’), “Uau Cacau” (categoria ‘Out of the Box Project’) e Corina Bachmeier (categoria ‘Best Entrepeneur’).

 Corina Bachmeier recebeu o prémio "Best Entrepreneur" das mãos do presidente do Governo Regional

Sem comentários