últimas notícias

AIDAcara pode trazer 19 mil no verão

O AIDAcara no Porto do Funchal
(foto: Paulo Camacho)
O navio de cruzeiros "AIDAcara" fez ontem a primeira das 16 escalas ao Funchal que tem marcadas para o verão (que começa na próxima semana). Chegou ontem pelas 8 horas e hoje saiu igualmente por essa hora. Em todas as viagens, o paquete da AIDA Cruises vai passar na Madeira uma noite: chega às segundas e sai às terças. Há um potencial para trazer cerca de 19 mil passageiros.

Esta aposta da companhia pelo porto madeirense numa época do ano em que os cruzeiros não querem saber da Madeira foi assinalada durante o dia com ações de promoção pela AP Madeira. A Associação de Promoção da Madeira entregou brindes aos passageiros, alguns dos quais ficaram surpreendidos com o gesto.
No entanto, não se compreende como é que um porto que tem uma Gare Marítima feita precisamente para acolher condignamente os passageiros que chegam e partem, os recebe sem que passem por aquele espaço e saiam antes por uma das áreas que existem ao longo da vedação.

Estes cruzeiros de uma semana pela Madeira e Canárias, partem de Las Palmas, em Grã Canária, de onde o navio ruma direto ao Funchal. Da Madeira vai para Arrecife, em Lanzarote. Dali segue para San Sebastián de la Gomera, em La Gomera e, depois viaja para Santa Cruz de Tenerife, em Tenerife. Ruma para Grã Canária, onde termina o cruzeiro e onde volta a dar início a um outro.
As viagens estão a custar a partir de 500€ por semana, por pessoa, em cabine interior, mas também tem suites, com preços na ordem dos 2.240€.
O navio tem capacidade para 1.186 passageiros e navega com 360 tripulantes. Sendo assim, o AIDAcara tem um potencial para trazer verão à Madeira este verão cerca de 19 mil passageiros. Ou seja, em termos de valor médio, estes passageiros podem deixar diretamente na economia madeirense cerca de 1,3 milhões de euros, sem contar com as taxas e outros valores que as companhias pagam aos portos e ao agente do navio.

Sem comentários