últimas notícias

APAVT vem à Madeira abordar a liderança na recuperação

“Turismo: Liderança na Recuperação”. Este é o tema escolhido pela APAVT para o seu congresso que vai decorrer este ano no Funchal. A apresentação do 36º congresso nacional, a desenrolar-se entre  27 de Novembro a 2 de Dezembro, decorre esta noite em Lisboa, no restaurante “O Madeirense”.
Conta com as presenças de Conceição Estudante, secretária Regional do Turismo e Transportes , de Bernardo Trindade, secretário de Estado do Turismo, dos órgãos sociais da Associação Portuguesa das Agências de Viagens e Turismo, de associados e dos media.

O programa oficial, ainda que em uma versão preliminar irá contar, como é apanágio dos congressos da APAVT, com reputados oradores nacionais e estrangeiros. Uma nota apenas para referir que, em relação ao logótipo do congresso, podemos dizer que já conhecemos bem melhores e verdadeiramente identificativos do destino. Lembro-me, por exemplo, dos casos de Búzios e da Bahia, ambos no Brasil

As estratégias para ultrapassar com sucesso e reforçados a actual crise económica, constituem a motivação dos diferentes painéis do congresso.

Uma vez mais, o programa integra um “Fórum Portugal” , um espaço privilegiado para o debate e apresentações relacionadas com a promoção de Portugal junto dos principais mercados emissores, contando com a presença de “buyers” desses países.

Um primeiro olhar pelo programa revela que começa no sábado, dia 27 de Novembro com a sessão oficial de abertura marcada para as 18 horas.

Segue-se, pelas 20 horas, o jantar oficial de abertura, que, como é da praxe, é oferecido pelos executivos onde se realizam os congressos, neste caso concreto, o Governo Regional.

No Domingo, dia 28 começa o congresso propriamente dito. Para este dia estão marcadas duas sessões, uma às 9 horas, com o tema “Estratégia: Como sair mais fortes da Crise?” e outra às 15 horas, subordinada às “Estratégias Empresariais para Agentes de Viagens”.

Na segunda-feira, dia 29 de Novembro está agendada mais uma sessão, pelas 9 horas, com o tema “Destinos: Que novas exigências?”.

À tarde, a partir das 15 horas vai decorrer o Fórum Portugal.

Nessa noite, a Travelport/Galileo volta a oferecer um jantar no congresso da APAVT. A partir das 20 horas.

A terça-feira vai ser uma oportunidade para os congressistas poderem visitar o destino. Uma oportunidade para reverem ou verem pela primeira vez uma Madeira que continua bonita como sempre.

Para a quarta-feira, dia 1 de Dezembro está marcada a última sessão, pelas 9 horas, com o tema “Distribuição: Mais oportunidades?”.

A sessão de encerramento do congresso será às 18 horas.

Segue-se o jantar de encerramento de mais um congresso nacional, que, mais uma vez, a ser oferecido pela TAP Portugal.

As inscrições estão abertas até 30 de Setembro.

Depois do congresso, resta esperar que norma volta a acontecer com o crescimento do mercado madeirense em cerca de 10 por cento no ano seguinte à realização de um congresso da APAVT, devido à exposição do destino e às centenas de agentes de viagens e outras figuras do trade que estão sempre presentes todos os anos.

Recorde-se que a escolha da Madeira para a realização do congresso nacional reflecte o apoio que a APAVT se prontificou a oferecer à Madeira na sequência do mau tempo de 20 de Fevereiro. No fundo, constituiu o corolário de um conjunto de iniciativas realizadas no sentido de ajudar à recuperação do destino turístico.

Podemos referir alguns desses exemplos como os contactos efectuados com todas as congéneres da APAVT em todo o mundo, a introdução da questão da Madeira na agenda da reunião da Aliança Mundial das Associações de Agências de Viagens (WTAAA) que teve lugar em Lisboa e o convite à secretária Regional do Turismo e Transportes  para um encontro com os líderes mundiais da distribuição, a campanha de publicidade lançada com o apoio dos media nacionais, destinada a incentivar os portugueses a fazerem férias na Madeira como forma de solidariedade, entre outras.

Sem comentários