últimas notícias

Carlos Martins em Tenerife no Grupo Sol Meliá

O madeirense Carlos Martins vai ser a partir de um de Abril próximo o director-geral do hotel de bandeira do grupo espanhol Sol Meliá, o Grand Meliá Palacio de Isora, situado na ilha canariana de Tenerife. Um desafio que aceitou de bom grado, depois de lhe ter sido proposto pela Sol Meliá numa reunião ocorrida em Palma de Maiorca com a família Escarrer, dona deste império com cerca de 350 hotéis em todo o mundo onde trabalham mais de 35 mil empregados. Isto apesar de considerar que se trata de um dos maiores desafios colocados a um director hoteleiro português.

Carlos Martins reconhece que se tratou de um desafio quase irrecusável. E o quase porque refere que haviam alguns pormenores de âmbito familiar que tiveram que ser ponderados, os quais, depois de devidamente analisados o levaram a aceitar.
A desempenhar actualmente as funções de director geral de operações do Grupo Hotti Hoteis - Sol Meliá Portugal, que tem os direitos de franchising para Portugal da Meliá, e que é igualmente director geral do Meliã Madeira Mare, deixa o grupo nacional de Manuel Proença, e entra nos quadros do Grupo Meliá, espanhol.
O director hoteleiro acredita que o trabalho que tem feito ao longo da sua já longa carreira na hotelaria, aliado ao facto do Meliã Madeira Mare, que, apesar de ter a marca, não pertence ao grupo espanhol, consguiu ser o segundo melhor Meliá em todo o mundo a nível da qualidade de serviços.
Quanto ao novo resort que vai liderar, trata-se de um cinco estrelas de luxo, situado em Tenerife Sur, a área da ilha com mais camas turísticas. Tem 720 suites e marca uma nova visão inspiradora de luxo da Sol Meliá, a marca líder de hospitalidade espanhola com mais de 50 anos.

Sem comentários