últimas notícias

Madeira Specialist de sucesso entra na 2.ª fase

O Madeira Specialist está desenvolvido no plataforma acessível pela internet, mas, conforme evidencia Pedro Moita na segunda imagem desta página, funciona como formação à distância, com acesso a pessoas, além dos PC
O Programa Madeira Specialist vai entrar brevemente na segunda fase, depois de cumprida a primeira que, segundo revelou em Macau Pedro Moita, director da APAVT Form, ultrapassou largamente as expectativas.

À margem do Congresso da Associação Portuguesa das Agências de Viagens e Turismo, que decorre até sexta-feira em Macau, não escondeu a sua satisfação pela aceitação que o programa teve entre os agentes de viagens de viagens do país, considerando-o mesmo um êxito que excedeu as expectativas.

Na fase de pré-inscrições, existiam cerca de 80 propostas para fazer este curso de formação assistida e de e-learnning de especialização na oferta turística da Madeira. Depois, foi-se cimentando até terminar esta fase de um projecto que foi piloto o país, com 250 profissionais inscritos e a concluí-la.
Segue-se uma nova fase, mais sectorial, onde estes profissionais e outros podem inscrever-se para fazer cursos individuais em áreas como o golfe ou de congressos e incentivos. Ou a totalidade temática que a Direcção regional de Turismo vai colocar em marcha. Segundo o Turismo da Madeira, poderá ser mesmo esta semana que a segunda fase com os restantes cursos, ganhe asas e fique online, depois de um ligeiro compasso de espera entre a saída de Paulo Faria do cargo de director regional de Turismo e a entrada em funções no dia 24 de Novembro de Raquel França, a nova detentora do cargo.
Tornar agentes especialistas no destino Madeira Recorde-se que o curso Madeira Specialist, que pretende dotar os agentes de viagens de todo o país de maiores conhecimentos do destino Madeira, potenciando, desta forma o incremento das suas vendas, começou em Abril deste ano.
Na prática, a Direcção Regional de Turismo pretende formar agentes de viagens com know how acerca da realidade turística da região autónoma.
Conclui-se, assim, o primeiro de sete cursos que culminará com um diploma “Madeira Specialist”, se o formando os completar. Note-se, no entanto, que para participar nos cursos gratuitos não é imperioso que complete o ciclo. Refira-se que os restantes seis cursos já foram validados pela Direcção Regional de Turismo.

Foram revistos no site piloto do projecto, sendo que as correcções resultantes de algumas imprecisões detectadas já foram reportadas à APAVT Form, uma empresa do sector turístico especializada em formação profissional, pertencente à APAVT. Trata-se de uma entidade que pretende potenciar o capital de experiência da Associação Portuguesa das Agências de Viagens e Turismo no domínio da formação profissional, oferecendo uma oferta formativa dinâmica e abrangente, de acordo com as necessidades dos diferentes subsectores do turismo Pedro Moita avançou que está tudo tratado e pronto para o arranque efectivo, com os seis cursos restantes devidamente corrigidos e aptos para serem colocados online.
A nível de conteúdos, da responsabilidade da direcção regional, só faltam encaminhar as questões finais de avaliação, para a certificação do curso, provas que serão feitas presencialmente. Certificado e viagens no final dos cursos O curso Madeira Specialist, além de dotar os agentes de viagens de ferramentas potentes de conhecimento do destino, tem o incentivo de viagens à Madeira para os formandos.
Neste âmbito, havia sido acordado com Paulo Faria que seriam atribuídas 50 viagens, 25 a oferecer aos melhores classificados que completem o curso, e outras 25 a sortear pelos formandos. Relativamente ao sorteio de 25 viagens, a opção que o Turismo da Madeira considera mais coerente parece ser a de sortear apenas pelos formandos que completem o curso, de modo a incentivar a sua conclusão, isto por haver muitos formandos que apenas se possam interessar por um determinado tema.
Em jeito de conclusão, podemos avançar ainda que a APAVT Form sugere que no momento em que sejam colocados todos os cursos online seja feita nova campanha de divulgação do projecto no sentido de angariar mais utilizadores, tanto da parte daquela entidade através da newsletter e comunicação a associados, quer também da parte desta Direcção Regional de Turismo. Há algum tempo, Conceição Estudante admitiu que o Madeira Specialist poderia vir a ser replicado para fora de Portugal, concretamente para destinos tradicionais do mercado Madeira. E por falar em replicar, Pedro Moita revelou que um projecto semelhante ao da Madeira poderá, a partir de agora, vir a ser aplicado noutras regiões do país.

Sem comentários