últimas notícias

Sterling Airlines vai à falência e deixa a Madeira

A companhia aérea escandinava de baixo custo Sterling Airlines anunciou no dia 27 de Outubro a sua falência dois dias após ter iniciado a sua operação de Inverno IATA (de Outubro a Março) para a Madeira.
Uma fonte ligada ao sector turístico disse à Agência Lusa que a retirada da Sterling Airlines do mercado do transporte aéreo significará uma diminuição de 3.250 entradas de turistas escandinavos na Madeira. A Sterling Airlines começou as suas operações com a Madeira na passada segunda-feira (dia 27 de Outubro) com um voo semanal, tendo deixado na Região 175 passageiros. A companhia tinha também já programada a realização de uma outra ligação com a Madeira a partir da cidade de Billdung, entre Fevereiro e Abril de 2009. Fonte do sector adiantou à Lusa que os passageiros que viajaram através das agências de viagens "têm voo de regresso garantido mas os que compraram via Internet terão de comprar nova passagem para regressar a Copenhaga". A Sterling Airways, fundada em 1962 e que operava para a Madeira e Faro, anunciou hoje a sua falência devido às dificuldades financeiras em consequência do aumento do combustível e à crise na Islândia.

Sem comentários