últimas notícias

Madeira mantém interesse do mercado britânico

A Madeira está a resistir à quebra da procura de Portugal pelos turistas britânicos devido à desvalorização da libra graças à Easyjet, afirmou à Agência Lusa, em Londres, o secretário de Estado do Turismo, Bernardo Trindade.

 "Estamos a decrescer cerca de um por cento na receita, a crescer um por cento nos hóspedes e a decrescer dois por cento nas dormidas", disse o governante, referindo-se ao fluxo geral de turistas do Reino Unido para Portugal no período entre Janeiro e Setembro deste ano.
Todavia, a Região Autónoma da Madeira tem contrariado a tendência negativa do turismo em 2008 com um "comportamento verdadeiramente excepcional, resultado da entrada da Easyjet quer por Bristol, quer por Stansted [Londres]", saudou.
Além destes dois aeroportos, a companhia de baixo-custo britânica tem também voos para o Funchal a partir do aeroporto londrino de Gatwick.
"O mercado cresce acima dos 30 por cento, o que absolutamente notável depois de anos de decréscimo", congratulou-se o secretário de Estado.
Na sua opinião, "a opção de apoiar a entrada desta companhia no mercado da Madeira [em 2007] foi muito positiva e queremos crer que é para continuar".
O secretário de Estado deslocou-se à capital britânica para visitar o World Travel Market, uma grande feira anual sobre turismo, onde se encontrou com operadores turísticos e representantes das companhias de aviação.

Sem comentários